IAP - Interdita Matadouro Municipal de Rosário


VEJA A SITUAÇÃO DE FALTA DE HIGIENE DO NOSSO MATADOURO: 
 Para o funcionamento de ABATEDOUROS, existe normas sanitárias e ambientais que necessitam serem seguidas rigorosamente,o não cumprimento dessas normas,  podem provocar uma série de prejuízos à saúde dos consumidores, entre estes estão: tuberculose, brucelose e cisticercose, além das infecções e intoxicações alimentares, causadas por microrganismos que contaminam os produtos de origem animal, cujos sinais variam de diarreias, dores abdominais, febre, abortos e até mesmo demência, confusão mental e óbito. Devido a falta de cuidados com a  higiene e por não esta  atendendo   as exigências Sanitárias,   o abatedouro Municipal de Rosário do Ivaí, foi interditado pelo IAP- Instituto Ambiental do Paraná,  onde foi lavrado auto de infração com multas para o município e para o gestor. Eu sei que andam falando por ai que a culpa da interdição do Matadouro é do vereador LUSTROSO, eu não sou contra o funcionamento do matadouro, apenas como cidadão e autoridade constituída,tenho o dever de cobrar, para que ele funcione dentro da legalidade, sem causar prejuízo a saúde da nossa população e a sua interdição e resultado da incompetência da atual gestão, que não foi capaz de atender as exigências   Sanitárias e Ambientais conforme determina a lei. As imagens são claras, vejam que o nosso abatedouro estava funcionando totalmente irregular. Após a publicação  desta matéria os moradores de Rosário do Ivaí, vão entender melhor o que aconteceu e analisar  se  o IAP- Instituto Ambiental do Paraná, tomou as medidas corretas,para  preservar o bem estar da população e fazer assim o seu  julgamento. 



ESTA SITUAÇÃO QUE CAUSOU A INTERDIÇÃO





12 comentários:

  1. Infelizmente estava funcionando em péssimas condições, porém essa situação estava acontecendo a varias gestão, inclusive a gestão passada onde ocorria os mesmos erros... Embora a interdição foi a solução para eliminar os riscos das doenças citadas acima, contudo acabou afetando e muito os pequenos pecuarista que as vezes tem um animal pronto para o abate agora não pode abatelo, pois a taxa de abates dos frigoríficos são muito altas e a porcentagem de quebra do peso também e muito alta, estimativa de 55% com isso o produtor acabou tendo um grande prejuízo com o fechamento do abatedor municipal. Claro que foi interditado por motivos extremamente de risco para a população , mais quem saiu afetado com essa interdição foi os nossos pequenos pecuarista. Cabe a as autoridades do nosso município juntamente o legislativo e executivo se unirem para tentar resolver esse problema e abrir novamente o abatedouro municipal...

    ResponderExcluir
  2. acredito que a maioria dos abatedouros municipais devem funcionar com essa precariedade, porem o município subsidiar o abate de animais para os mercados é um erro, pois geram um custo de aproximadamente de mais de 8 mil mensais, com funcionários, água, luz e alem da responsabilidade com os danos ambientais e se o município não pode fazer com qualidade ainda coloca em risco a saúde da população no qual tem dever é proteger o cidadão. Acredito que devemos procurar uma solução mais não vejo o município como prestador desse serviço pois o mesmo tem outras responsorialidades, como: estradas, saúde, educação, assistência técnica aos agricultores ......

    ResponderExcluir
  3. Também acredito não ser ofício do município prestar este tipo de serviço, claro que este ato foi praticado por outros gestores, um dos motivos pode até ter sido para ajudar os comerciantes e pecuaristas da época, no entanto, é possível verificar visivelmente que hoje os mercados de nosso município tem um grande público e provavelmente um bom rendimento, deste modo, fica, em minha visão, possível estes se unirem e construir um abatedouro em sociedade, juntamente também com os pecuaristas, e com isso exime a administração pública de um gasto destes e possíveis multas por prestar um serviço precário, como o que acarretou o fechamento.

    ResponderExcluir
  4. Creio que nosso município tem possibilidades de ter um abatedouro de ótimas condições sim, embora isso seja muito burocrático, pois tem muitas leis a ser cumprida. E foi por essas leis que o nosso batedouro foi interditado, creio que não seja de total responsabilidades dos mercados, e sim cabe as autoridades a se unirem com a prefeitura e os comércios do nosso município e tentar fazer outro abatedouro em outro local cumprindo todos as normas necessárias, creio eu que com a mão da prefeitura no meio pode ficar tudo mais fácil.
    Deveremos pensar em um Rosário melhor, não ficar provocando um ao outro como se vê nas reuniões da camará municipal, pois ambos os lados parece que vão na reunião só para ficar fazendo picuinhas uns ao outros.

    ResponderExcluir
  5. Concordo com o nobre colega, com a união da prefeitura com os comerciantes e pecuaristas na solução e na construção de um abatedouro dentro das normas, porem cabe ao executivo fazer esta articulação e ao legislativo dar apoio, necessário, para o andamento dos projetos, quanto as divergências, no legislativo faz parte o processo politico.Neste caso especifico acredito que o legislativo os 9 vereadores apoiaram quaisquer iniciativa do executivo para regularizar esta situação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. exatamente isso, o legislativo deve apresentar o projeto para o executivo e ir a trás para resolver essa situação!
      Infelizmente esse constrangimento das picuinhas nunca vai acabar pois cada um se defende como conseguem, embora isso seja muito constrangedor!
      Quem sabe um dia, isso acaba e teremos a honra de assistir uma sessão da câmara!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Caro amigo o Legislativo por força da lei é impedido de criar projetos que geram despesa ao executivo, portanto a competência para elaborar projeto desta natureza é de responsabilidade do executivo e cabe ao Legislativo a aprovação. Quanto a participação nas reuniões vale lembrar que é muito importante a participação da população porem temos que respeitar a decisão de cada um.Temos que entender que os Vereadores são lideranças e tem muita personalidade, o conflito de ideias é inevitável.O nosso legislativo esta precisando de pessoas inteligente como você para melhorar o nível do nosso debate, porem é importante salientar que mais de 95% dos projetos são votados por unanimidade pelos Vereadores e as divergências chegam a menos de 5% e quem fala que nas reuniões só existe briga não conhece a realidade

      Excluir
  6. Como já houve a interdição, não há mais o que se discutir, a não ser como fazer para solucionar o problema, pesquisei sobre o assunto e em muitos municípios de nosso pais acontece o mesmo fato (http://www.jusbrasil.com.br/topicos/626834/matadouro-municipal). Isto não é uma questão política de uma administração ou outra e sim um desmazelo que no momento acarretou a interdição.
    Encontrei também um bom artigo que fala sobre o impacto ambiental (http://www.aedb.br/seget/artigos10/532_O%20MATADOURO%20MUNICIPAL%20DE%20SANTA%20CRUZ%20DO%20CAPIBARIBE-PE%20E%20O%20IMPACTO%20AMBIENTAL%202.pdf) a secretaria do meio ambiente do nosso município deve participar ativamente de um futuro projeto de construção de um novo abatedouro municipal, assim como a vigilância sanitária e demais.
    Acredito que o município juntamente com o apoio de particulares é capaz de construir um novo abatedouro, obedecendo as normas e que vise minimizar o impacto ambiental.

    ResponderExcluir
  7. Cabe todos os responsáveis do poder publico, e os responsáveis dos particulares abraçar essa causa!

    ResponderExcluir
  8. Bom só leigo na parte das leis municipais, não sei o certo como funciona o processo de projetos. Claro que a população deve ir em todas as sessões, pois é um meio de saber como anda nosso município, infelizmente as vezes que eu fui não fiquei muito contente. Embora foi aprovados muitos projetos como a vossa senhoria disse acima.
    Olha, politica não e meu forte, mais quem sabe mais pra frente, creio eu que tiro pelo menos os votos da minha família...
    Mais saiba que mesmo pertencendo ao lado politico diferente, te admiro a sua capacidade e a sua inteligencia como vereador. Parabéns!

    ResponderExcluir

Use sua conta do Google (Gmail, Orkut) para comentar. Ou siga mais abaixo e comente com o Facebook.

Use seu Facebook para comentar!

 
  • Blog do Lustroso © 2013 | Template por Rumah Dijual, em colaboração com Web Hosting , Blogger Templates e WP Themes